Unidade de medida

RANT ALERT – Como já devo ter escrito antes minha profissão é de engenheiro mecânico. Não fui o aluno mais brilhante na escola de engenharia mas me formei em 6 anos como a maioria dos meus colegas (somente os bravos conseguiam faze-lo nos 5 anos regulamentares). Mas uma coisa que aprendi na escola de engenharia é que não existe número sem unidade de medida. Aliás já tinham tentado me ensinar isso antes, lá pelos idos de 1994 quando estava no 2o colegial, mas eu só fui aprender mesmo na escola de engenharia 3 anos depois.

START OF RANT Um número sem unidade de medida não significa nada. PONTO. E uma unidade de medida precisa ser representada da maneira correta. Para tentar ajudar resolvi listar as grandezas físicas que usamos no universo cervejeiro, suas unidades de medida e seus fatores de conversão.

Volume
l, cm3, dm3, ml, gal 

Massa (peso não é massa, peso é medida de força) g, kg, lb, oz, etc.

Densidade (GRAVITY é densidade e não gravidade) – medida de massa por volume:
g/l, kg/l, g/cm3, g/dm3, kg/ml

Concentração de açúcar 
BRIX, oP de graus Plato 

Vazão, taxa de evaporação, etc
l/h, l/min, cm3/h, etc.

Temperatura
oC de graus Celsius (Centígrado não existe), oF de graus Farenheit, K de Kelvin (sem o grau)

k de kilo é sempre minúsculo
l de litro também
Aliás toda unidade que não seja nome próprio só pode ser abreviada com letra minúscula.

END OF RANT

ps.: RANT é o termo em inglês e comunmente usado na internet para discurso inflamado ou desabafo.

RIS, segunda leva (ou RIS 2.0).

No meio de janeiro fiz uma 2a leva da RIS (Russian Imperial Stout) que havia feito no final de novembro. Diferente da 1a leva a 2a foi de 30l o que mudou um pouco a proporção de ingredientes.

Coloquei os 30l para fermentar 3 dias a 17oC e mais 7 dias a 22oC. Terminado esse período transferi 20l para um fermentador e 10l para outro e adicionei chips de carvalho francês em bebidos (por uma semana) em uísque 8 anos no segundo.

Maturei a frio (2oC) os dois fermentadores por 10 dias e ontem engarrafei fazendo priming de 6g/l de açúcar.

Nos 20l que maturaram sem os chips acredito que vou ter problemas de carbonatação homogênea nas garrafas pois quando fui experimentar o que sobrou no balde que faço a mistura como açúcar e engarrafo a cerveja estava muito doce. Ou seja, faltou homogenizar o açucar na cerveja para ela carbonatar por igual.

Problema identificado an hora de engarrafar os 10l que maturou com carvalho já cuidei de homogenizar melhor o açucar.

Agora é esperar 1 mês pelo menos para abrir as primeiras garrafas.

Do que experimentei ontem a RIS 2.0 está ficando boa, estava com menos gosto de maçã verde (acetaldeído) do que na transferência do primário para o secundário, com bom corpo e um gosto e aroma intensos de chocolate e café.

Já a Oaked RIS 2.0 está com o carvalho e o uísque bem evidentes, balanceado com o chocolate e o café. Super complexa e segundo minha esposa com um que de conhaque.

%d blogueiros gostam disto: