Trippel – Update

Como sabem fiz um experimento com a minha trippel utilizando 3 fermentos diferentes, S-33, T-58 e WLP530+545.

Este final de semana condicionei as três variações em post mix e pude compara-las rapidamente. Lembrando que o OG foi de 1082g/l.

S-33:
FG = 1022g/l
Atenuação aparente = 70%
ABV = 7.8%
Aroma: Condimentado, fenólico, levemente doce.
Sabor: Leve condimentado, levemente doce, maior percepção de álcool.

T-58:
FG = 1022g/l
Atenuação aparente = 70%
ABV = 7.8%
Aroma: Leve condimentado, frutado, levemente doce.
Sabor: Leve condimentado, doce mais aparente.

WLP 530+545:
FG = 1028g/l
Atenuação aparente = 63%
ABV = 7.1%
Aroma: Condimentado médio, adocicado.
Sabor: Condimentado médio, doce aparente, menor percepção de álcool.

A cerveja com WLP foi a que mais demorou para terminar de fermentar. Ao todo foram 2 semanas a 19oC para o air lock parar de borbulhar, apesar do início de fermentação ter sido bem vigoroso. Talvez isso tenha acontecido devido a baixa vitalidade do fermento.

Outro ponto é que todas as cervejas atenuaram menos do que desejava e ficaram mais doces do que o ideal par ao estilo. Precisarei rever a receita e a fermentação para a próxima versão para conseguir um final menos doce.

Para mim as diferenças entre cada fermento foram pequenas, mas a minha sensibilidade a cada nuance também é pequena. Vou ver se acho algum sommelier para degusta-las em um teste cego e me dizer as diferenças.

2 Responses to Trippel – Update

  1. nuneselevy disse:

    Salve Linus! Cara, acompanhei o post da receita e agora vi o resultado. Será que o problema na atenuação não foi por conta das rampas da mostura? Eu fiz uma Tripel uma vez e não atenuou muito porque coloquei muita aveia e trigo, ficou com muito dulçor também, mas acho que no seu caso, se fizesse uma rampa a 60/62 por mais tempo seria melhor. Certo? Abraços!

    • Nunes,
      A atenuação abaixo do desejado pode ter sido por vários fatores:
      – baixa vitalidade do fermento
      – rampas de mostura
      – uso de malte cara20 e aveia
      – cepa de fermento líquido de média atenuação (WLP545).

      Como tive que misturar o WLP 530 e o 545 fica meio difícil projetar qual das duas vai predominar. E a 545 parece que atenua um pouco menos e dá um perfil mais adocicado a cerveja.

      Para a próxima trippel que fizer vou de 100% malte pilsen + 0.5kg de aveia + 2kg de açúcar, faço 75min a 60-62oC e uso WLP530.

      Vamos ver se daí fica mais seca.

      Separei uma garrafa de cada fermento para dividir a experiência com os amigos.

      abraço

%d blogueiros gostam disto: