Oaked RIS 2.0

Quando fiz a 2a leva da RIS aproveitei e separei 10l para maturar com chips de carvalho.

A receita básica da cerveja foi a mesma da RIS.

A fermentação também foi feita a 17oC por 3 dias e a 22oC por mais 7 dias.

Em preparação deixei um pacote pequeno de chips de carvalho francês medium roast (4oz – 113g) embebidos em cerca de 300ml de uísque Johnnie Walker Red Label por 7 dias.

Quando transferi a cerveja pós fermentação para o recipiente de maturação eu adicionei os chips junto com o uísque, pois este apresentava uma coloração bem mais escura tendo já dissolvido parte do carvalho torrado.

A cerveja foi então deixada por 10 dias a 4oC e engarrafada com 6g de açúcar cristal por litro de cerveja.

Durante a degustação 2 semanas depois a cerveja ainda apresentava carbonatação baixa e pouca formação de espuma. O aroma puxava forte para o uísque, carvalho e mais levemente para chocolate e baunilha. O sabor já estava mais balanceado entre o uísque, carvalho e chocolate. O torrado foi quase todo encoberto e está só no fundo. O corpo estava bem denso e licoroso.

Vamos agora ver como ela se desenvolve nos próximos 4 meses.

Vou separar 10 garrafas dela para levar para o VII Concurso Nacional em Piracicaba.

Para quem procuras dicas de como adicionar madeira (ex.: carvalho) segue o link do artigo Oak in Your Beer do blog do Beersmith.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: